6 dicas para se candidatar a empregos quando você estiver em depressão

Quando você está deprimido, tudo – desde as atividades mais básicas – pode parecer impossivelmente desafiador. Adicione o desemprego repentino: recém-formado na faculdade ou passando por uma grande transição de carreira. Todos os dias podem parecer como escalar o Monte Everest.

É difícil dar o seu melhor quando você não está se sentindo no seu melhor. Quando você está deprimido, passar pelas tarefas de vasculhar postos de trabalho e se preparar para entrevistas pode ser extremamente desgastante.

Embora pareça que você está lutando muito, há várias maneiras de ajudá-lo a sair do clima e se aproximar do emprego dos seus sonhos. Aqui estão algumas dicas que achei úteis ao longo dos anos.

Dê um tempo

Se você foi demitido recentemente ou deixou um trabalho, reserve algum tempo antes de pular de cabeça no processo de novas inscrições. Embora nem todos possam escapar para longas férias na praia, tente pelo menos aproveitar o fim de semana para descansar e recalibrar.

Assista ao seu filme favorito, teste uma nova receita, passe tempo com amigos – qualquer coisa que você precise fazer para relaxar. Dessa forma, você poderá abordar a busca de emprego com uma nova mentalidade e perspectiva.

Lembre-se: sua situação é temporária

As transições de trabalho são uma parte normal da vida adulta e, embora possa parecer que você estará sem emprego para sempre, é importante dar um passo atrás e encontrar alguma perspectiva. Tente pensar em até onde você chegou e os atributos positivos que o levaram até lá.

Embora seja difícil não se debruçar sobre os aspectos negativos do processo, pense em como você superou contratempos no passado e use isso em seu benefício. Sente-se e escreva suas habilidades mais fortes e os destaques de carreira dos quais você mais se orgulha, para lembrar onde você realmente brilha.

Perceba que você não está sozinho

Embarcar na caça ao trabalho pode parecer incrivelmente isolante, especialmente quando parece que todos ao seu redor estão prosperando. As mídias sociais não ajudam, quando você tem vários aplicativos para comparar constantemente seus feitos pessoais e realizações de carreira a outras pessoas.

No entanto, a maioria das pessoas passa por períodos de desemprego ou transições de carreira – uma pessoa muda de emprego em média 12 vezes em sua vida. É útil perceber que você não é uma anomalia. Mantenha-se conectado, entrando em contato com amigos e familiares que passaram por experiências semelhantes e que podem ajudar você a seguir o caminho certo.

Defina uma rotina e cumpra-a

Quando você sai da vida tradicional das 9 às 5 horas, pode ser fácil mergulhar em um padrão de dormir tarde, comer mal e se tornar um eremita. Por que se arrastar até um café para se candidatar a empregos quando você pode fazê-lo no conforto da sua cama, onde, por acaso, você pode fazer a transição perfeita para uma maratona da Netflix?

Continue a levantar-se a uma hora razoável, vista roupas que não são calças de moletom e saia do apartamento. Isto pode ajudar a se sentir menos melancólico. Se você trabalha melhor em casa, planeje um passeio social, um evento de networking ou uma aula de ginástica. Saia de casa e tome um pouco de ar, mesmo que seja por apenas uma hora.

Se cuide

Comer bem, dormir o suficiente e se exercitar é crucial ao passar pelo processo de inscrição. Pode ser fácil economizar nessas coisas quando você está passando por uma grande transição. No entanto, estas dicas ajudarão a se sentir mais forte à medida que você continua na busca de emprego.

Se você estiver trabalhando com um terapeuta, mantenha-os informados sobre a situação e discuta se pode ser vantajoso aumentar o número de sessões.

Não desanime se for rejeitado

Quando você está lutando contra a depressão, perder um emprego pode ser algo esmagador. Eu não lido bem a rejeição, e quando isso acontece, eu sou rápido em endoidar, mesmo que eu saiba que é completamente irracional.

Os empregadores rejeitam candidatos por várias razões, muitas das quais não têm nada a ver com suas qualificações ou valor da própria pessoa pessoa. Tente o seu melhor e use isso como combustível para continuar tentando.

Encontre ajuda se a depressão for grande

Às vezes, a depressão e seus sintomas tornam-se demais para nós resolvermos sozinhos. Se você tentar as soluções acima, mas ainda notar que a depressão é um obstáculo persistente, considere falar com um terapeuta ou um psicólogo online.

Sua saúde sempre vem em primeiro lugar, e trabalhando através das causas da sua depressão pode ajudá-lo a continuar a ter sucesso na vida.

 

Procurando ajuda?
Estamos online pelo chat.

99Psico, o cuidado que você precisa.

Fale agora com um Psicólogo Online

Compartilhar:


Compartilhar: